Available actions

Reader available actions

Share
 

Francisco de Paula Dutra Faria

Description details

Description level

Fonds Fonds

Reference code

PT/BPARLSR/PSS/FPDF

Title type

Atribuído

Date range

1920 Date is certain to 1975 Date is certain

Dimension and support

0,05 m.l; 1 mç.

Extents

1 Maços

Holding entity

Biblioteca Pública e Arquivo Regional Luís da Silva Ribeiro

Producer

Francisco de Paula Dutra Faria

Biography or history

Nasceu aos 22 de março, em Santa Luzia, Angra do Heroísmo. Filho de João Severino de Faria e de Isabel Palmira Dutra Faria. Casou em Lisboa com Noémia Alvarez Gil, de quem teve um filho que nasceu em 25 de janeiro de 1940, na maternidade Alfredo da Costa (veio a falecer na mesma, a 1 de fevereiro de 1940). Foi jornalista, tendo igualmente ensaiado a ficção. Quando concluíu o liceu em Angra do Heroísmo, foi para Lisboa onde publicou um seminário nacionalista revolucionário a Acção Nacional e também a revista Política, juntamente com o seu colega António Pedro. O Dr. Salazar fê-los extinguir ao jornal e ao movimento. Mais tarde Dutra Faria tornou-se chefe de redação do seminário “Fradique” de Tomaz Ribeiro Colaço, também foi colaborador do “Diário de Lisboa” e do “Notícias”. Depois foi convidado para redator do SNI e colaborou no seminário “Ação”. Salazar escolheu Dutra Faria para dirigir o “Diário da Manhã”, e este fica com o cargo de chefe de redação. Em 1974, fundou com dois jornalistas, a agência noticiosa ANI. Nesta agência trabalhou intensivamente até 1974. Desempenhara também, nos anos 60 o cargo de diretor-adjunto de “A Voz”. Já havia antes recusado o cargo de Secretário Nacional da Informação pelo Ministro da Presidência Marcelo Caetano, que outrora colaborou ativamente nos setores culturais da Mocidade Portuguesa juntamente com Dutra Faria. Fez parte do grupo inicial de trabalhadores do “Diário Popular”, foi fundista do “ Diário de Notícias” e também colaborou com artigos, crónicas e entrevistas que ANI distribuía por dezenas de jornais da província, do ultramar e dos núcleos portugueses do estrangeiro. Foi durante anos comentador internacional da televisão, em 1976 dirigiu no Rio de Janeiro a delegação da agência noticiosa EFE naquela cidade. Os seus últimos trabalhos foram os artigos que escreveu para “A Rua”. Deixa alguns livros: “Ao acaso”, 1932; “Unidade de Juventude”, 1935; “Roda do Tempo”, 1936; “De Marinetti aos dimensionistas”, 1936; “Diário dum intelectual comunista”, esboço dum romance, 1936; “Navegação de paz e de glória”, 1945; “S.Francisco e o problema da paz”, 1945; “O mistério da serra interdita”, romance de aventuras publicado sob pseudónimo de Patrick Al Cane, 1945; “Debate importuno”, 1962; “Portugal do Capricórnio”, 1965; e por fim “Mientras Sopran los vientos de la Historia” em espanhol, 1968. Dutra Faria faleceu de acidente cardiovascular na madrugada do dia 6 de julho de 1978, no hospital de Santo António dos Capuchos, em Portugal.

Bibliografia:

http://www.bparah.azores.gov.pt/html/bparah-historia+fundos02.html#df

Livro: Genealogias da Ilha Terceira, IV vol., páginas 384/385 - Autor: António Mendes e Jorge Forjaz

Livro: Batismo, da freguesia de Santa Luzia, do 1909 - 1911

Livro: Nascimentos de 1929, vol. 1 (extrato do nascimento de Francisco Faria foi posto neste livro), registo nº 576.

Scope and content

O Fundo é constituído por 52 documentos, nomeadamente: 15 cartões; 5 diplomas; 9 fotografias; 1 brochura; 1 Caricatura; 1 envelope; 1 estola; 1 excerto de texto; 4 fichas datilografadas e 14 postais.

Arrangement

O fundo foi distribuído por 1 secção, correspondendo aos documentos pessoais do autor. As séries são tipológicas. Houve necessidade de criar uma coleção, com os documentos, que não puderam ser inseridos nas secções criadas.

As secções e séries estão ordenadas alfabeticamente. Os documentos estão ordenados cronologicamente e alfabeticamente quando não possui data.

Access restrictions

Livre acesso

Conditions governing use

Livre acesso

Language of the material

Português

Physical characteristics and technical requirements

Bom estado de conservação

Other finding aid

archeevo

Location of originals

Depósito 16, Bloco 8 Superior, Estante 2, Prateleira 2